O que fazer em Itu e Salto

Itu e Salto fazem parte da Região Metropolitana de Sorocaba e são duas cidades com grande importância econômica e histórica para o Brasil. Por aqui, além do Trem Republicano, existem vários atrativos e experiências esperando por você. Prepare-se para se encantar com a cultura, gastronomia e paisagens deslumbrantes desses destinos incríveis.


Itu / Café da manhã no Restaurante Stazione Itu

Comece o dia com o pé direito no buffet livre de café da manhã do Restaurante Stazione. Localizado na Estação do Trem Republicano de Itu, e aberto ao público, oferece uma experiência charmosa e deliciosa, com opções de bolos, pães, frios, sucos e muito mais. 


Itu / Parque Maeda

Um complexo turístico com 6 milhões de metros quadrados e atividades para toda a família. No Parque Maeda você encontra pesque e pague, parque aquático com toboáguas, pedalinhos, parquinhos, teleférico e muita área verde. Ele comporta também o maior jardim japonês do país. 


Itu / Centro Histórico de Itu

As construções centenárias, igrejas e monumentos do centro de Itu são um convite a uma aula de história a céu aberto. Um percurso que pode ser feito a pé e que traz uma surpresa a cada esquina. Para quem gosta de arte sacra, casarões tombados e praças que parecem cenários de filmes, este passeio é uma ótima pedida. Melhor ainda se for acompanhado por um guia de turismo para contar todos os detalhes.


Itu / Parque do Varvito

Uma pedreira gigante que é a mais importante exposição da rocha sedimentar Varvito na América do Sul. Os paredões são evidências da Era Glacial, quando, há 280 milhões de anos, um enorme manto ou lençol de gelo cobriu a região sudeste da América do Sul. No Parque Varvito é possível ver, camada a camada, a evolução do planeta, num ambiente arborizado, perfeito para uma boa caminhada.


Itu / Museu Republicano

Uma imersão fascinante na história do Brasil. No Museu Republicano de Itu, os visitantes encontram artefatos, documentos e exposições que retratam o período republicano do país. Desde mobiliário e objetos pessoais, até fotografias e obras de arte, o acervo do museu é vasto e diversificado. Foi nesse casarão que ocorreu, em 18 de abril de 1873, a Convenção Republicana de Itu e a fundação do Partido Republicano Paulista, peças-chave na Proclamação da República. 


Itu / Chácara do Rosário

Uma propriedade histórica que abriga a mesma família desde 1756 e é um testemunho vivo da evolução da sociedade no interior paulista. Na Chácara do Rosário, os visitantes podem explorar os jardins bem cuidados, conhecer a história da família que ali viveu e saborear um café da tarde acolhedor.

O local já foi engenho de açúcar, passou por vários ciclos econômicos e mantém viva a memória dos colonizadores regionais. Atualmente, a propriedade é aberta ao Turismo Rural e Pedagógico, recepcionando grupos de visitantes, escolas e sediando eventos e cavalgadas.


Itu / Praça dos Exageros

O famoso local onde as esculturas gigantes se concentram. A Praça dos Exageros é um ponto turístico obrigatório para fotos, selfies e vídeos. Lá está o maior bilhete de trem do Brasil e muitos outros exageros que vão deixar crianças e adultos encantados.


Salto / A parmegiana do Restaurante Stazione de Salto

Não dá para visitar Salto sem experimentar o prato tradicional da região: a parmegiana. A carne empanada com farinha de rosca, coberta com molho de tomate e queijo derretido, servido com batata frita e arroz soltinho, é imperdível. Mais uma opção gastronômica que tem o Trem Republicano como cenário. 


Salto / Monumento à Padroeira Nossa Senhora do Monte Serrat 

Uma estátua de 38 metros de altura, ponto de peregrinação, é o maior monumento do Brasil em homenagem à Nossa Senhora de Monte Serrat. A magnitude impressiona e atrai fiéis de todo o país. 


Salto / Igreja Matriz 

E seguindo o turismo religioso, a Igreja Matriz de Salto também é consagrada à Nossa Senhora do Monte Serrat. A construção fica no centro da cidade e foi construída em 1936, no lugar antes ocupado pela capela edificada em 1698 pelo capitão Antonio Vieira Tavares. Uma visita cheia de fé e história. 


Salto / Mirante da Ponte Estaiada

A cidade de Salto tem uma relação especial com o Rio Tietê, pois abriga as maiores quedas de toda a extensão do Rio. Os moradores se orgulham em dizer que é a partir da cidade que o rio começa a se recuperar da poluição a que é submetido ao longo de seu curso. Na Ponte Estaiada de Salto há um mirante de 48 metros de altura, onde se tem uma vista privilegiada de um Rio Tietê pouco conhecido. A ponte conta com um elevador panorâmico, que sobe 12 andares até o mirante. Lá, um salão todo de vidro proporciona uma fantástica vista panorâmica da cidade com quase 360º.


Salto / Praça da Bandeira

Um local que registra o “marco zero” de Salto. Na Praça da Bandeira foi construída a primeira capela da cidade, no final do século XVII. Hoje, ela é o quintal da Igreja Matriz e abriga o monumento ao fundador da cidade de Salto, Antonio Vieira Tavares. Nas imediações, o visitante pode conhecer também a Casa da Cultura, o coreto de Salto, a antiga sede da tecelagem Brasital (inspirada na arquitetura industrial da cidade de Manchester, na Inglaterra) e os casarões onde moravam os operários da histórica fábrica. 


Salto / Pavilhão das Artes

No coração da cidade, bem pertinho da Estação do Trem Republicano, está um espaço a céu aberto destinado a eventos culturais. No Pavilhão das Artes, o visitante pode tirar fotos no letreiro instagramável “Eu amo Salto” e passear pela estrutura ao ar livre, que inclui camarins, banheiros e um palco, que comporta uma plateia de até 1.200 pessoas. O local também conta com um centro de informações ao turista, uma fonte de água e é caminho para outros pontos turísticos da cidade. 


Salto / Parque Rocha Moutonnée

Um passeio no mundo dos dinossauros gigantes. É no Parque Rocha Moutonnée onde está a maior réplica de dinossauro da América Latina, com 15 metros de altura. Além das estátuas em grande escala, o local oferece um passeio lúdico, com túnel verde, pegadas de dinossauros, vídeo sobre a história do Planeta Terra e muito mais. A entrada é de graça.